Compartilhar

Será que as cores podem influenciar em nosso humor? Embora, já ouvimos histórias de que cada cor tem seu significado, porém ainda há muitas dúvidas sobre esse tema. Na decoração cada cor pode afetar todo o ambiente, de forma negativa ou positiva, tanto o humor, como o comportamento dos moradores da casa. Mas, como as cores influenciam no design de interior? Por essa razão, buscamos informações importantes que irão te ajudar a descobrir qual a cor ideal para sua casa. Confira!

 

Definição das cores no design de interiores

Já foi o tempo em que a decoração e as cores da casa eram consideradas uma simples questão de estética. É dada uma atenção especial às cores usadas em determinados cômodos, dependendo do clima que você está tentando definir no espaço. Fatores como local, temperatura e iluminação também podem afetar a forma como certas cores são percebidas pelos ocupantes. Cada pessoa reage de uma forma diferente, por isso, se um cômodo vai ser utilizado individualmente, como no caso de um quarto, é importante levar em consideração sua personalidade e suas opiniões sobre as cores. 

 

Vermelho: o poder da cor na decoração

Considerado uma “cor poderosa” o vermelho chama a atenção e muitas vezes tende a provocar uma resposta imediata. O vermelho pode ser percebido como empolgante, animado e estimulante. No entanto, em tons mais escuros, pode tornar alguns mais suscetíveis à raiva, ansiedade e irritabilidade. O vermelho às vezes pode ter má reputação na psicologia da cor, mas tons mais claros de vermelho costumam relaxar os nervos e também é considerado a “cor da paixão”, então não é de todo ruim.

Azul: decoração em tom relaxante

Geralmente, considera-se que o azul promove equilíbrio, profundidade e cria um efeito calmante. O azul é uma cor primária fria, conhecido por acalmar a mente e provocar uma atmosfera confortante, tranquila e relaxante. Pode ser uma cor popular para quartos, às vezes atribuída a ocupantes calmantes para uma noite de sono repousante, tranquila e relaxante. Também é conhecido por ajudar na concentração o que pode inspirar e estimular a criatividade. Muito azul às vezes pode ser percebido como frio e sem emoção, em tom muito escuro pode transmitir uma atmosfera hostil ou deprimente.

Amarelo: o otimismo na decoração iluminada

Relacionado à felicidade, o amarelo por ser uma cor viva, pode elevar a energia, a atenção e o espírito. Com isso, a cor amarela é capaz de iluminar pensamentos, aguçar a percepção, aumentar a memória e o otimismo. Como uma cor mais quente e mais clara, o amarelo reflete a luz, o que funciona muito bem em espaços pequenos que precisam de um pouco de extensão sem alterar o ambiente. 

Roxo: nobre decoração

poder, elegância, luxo, nobreza e ambição fazem parte das definições da cor roxa. Contudo, os tons de roxo são frequentemente usados ​​para transmitir uma sensação de riqueza ou sabedoria. No entanto, muito roxo poderá inibir e isolar as pessoas ou o tom errado fará parecer espalhafatoso se excessivo ou desequilibrado.

Verde: a natureza envolvente na decoração

Atribuído a natureza, o verde é considerado um tom terroso. Uma cor que ajuda a relaxar e a equilibrar o corpo, acalma as emoções e desencadeia uma sensação de conforto e tranquilidade. O verde é capaz de ser acolhedor, aliviar o estresse, provocar uma sensação confortável ou revigorante dependendo da tonalidade. Do lado negativo, o verde pode transmitir estagnação, que às vezes pode resultar em uma sensação de tédio ou serenidade.

Cor de rosa: uma decoração romântica

Vinculada a amizade, amor e romance, a cor rosa proporciona uma decoração com efeito acolhedor e calmante, que pode gerar um estado de espírito mais passivo. Isento de maldades a cor rosa transforma os ambientes com muita delicadeza. Rosa denota imensa alegria e gratidão, enquanto em um tom mais chocante de rosa pode estar cogitando ciúme e provocação.

Laranja: cor que exala confiança na decoração

O laranja é uma cor cheia de energia, extrovertida e amigável, por isso é perfeita para ambientes familiares. Ainda, é conhecida por promover o bem-estar geral e pode ter efeitos calmantes e estimulantes, tornando-a a definição ideal para o ambiente familiar.

Cinza: o neutro da decoração

Geralmente, o cinza é considerado uma cor neutra. Associado à independência, separação e, às vezes, solidão. Cinza é a linha tênue entre o branco e o preto. Quando usado em excesso ou no tom errado, um cômodo cinza pode ser deprimente, pode até causar uma sensação de exclusão e falta de energia. Quando usado no tom certo, você pode aproveitar um plano de fundo neutro e suavemente benéfico para o seu ambiente, a fim de criar uma atmosfera relaxante.

Branco: decoração simples e sofisticada

O branco também pode ser uma cor intensa e poderosa para usar em seu design de interiores. Por ser uma cor que reflete o brilho, pode fazer uma sala parecer maior e mais aberta. O branco é associado a limpeza, pureza, paz, simplicidade e sofisticação. Quando combinado com cores quentes, o branco pode ser indevido e fazer as outras cores parecerem gritantes. É por isso que o branco puro é frequentemente usado como um destaque e tons esbranquiçados para decoração ampla.

Preto: decoração elegante

Preto é uma cor única, pois propicia uma atmosfera de poder, autoridade e funciona muito bem como contraste ou destaque para outras cores. De outro modo, quando usado excessivamente em uma sala, pode fazer com que pareça menor porque absorve luz. Além disso, o preto tende a ser considerado como tenso e sombrio, o que pode criar uma sensação de peso e tristeza em seu ambiente. No entanto, quando bem equilibrado, seu ambiente pode ser visto como elegante e sofisticado, oferecendo até mesmo uma sensação de segurança ou abrigo emocional. 

A decoração na cor certa

Para não ficar dependente de certas cores, que influenciam coisas positivas e se afastar totalmente de cores que causam más energias, faça combinações pensando no seu gosto pessoal. Importante não fugir do seu estilo de decoração, pois é possível identificar um estilo baseado em suas cores. Mantenha o foco, o que não pode faltar na decoração são as cores com a sua personalidade. Seja autêntico e inspire-se com bom senso nas tonalidades!

Agora que sabe o significado das cores na decoração, conte aqui nos comentários qual foi a cor que você mais se identificou e vai usar aí na sua casa?

Imagens de Modsy e Pinterest

Compartilhe:

Perguntas e respostas

Artigos Relacionados
Recomendamos para você
Índice
Baixe o APP grátis!
Não vai ocupar espaço no seu telefone.