Filtrar
Foi encontrado 1 produto
Filtrar Remover filtros
ESTILO
  1. Design Assinado
  2. Industrial
  3. Móveis Minimalistas
  4. Móveis Modernos
AMBIENTE
  1. Hall De Entrada
  2. Quarto
  3. Sala De Estar
  4. Sala De Jantar
  5. Escritório
  6. Closet
  7. Cozinha
  8. Areá Gourmet
  9. Home Office
Preço

Selecionados:

Selecionados:

  1. Closet
  • Banqueta The Egg Estrutura Alumínio Studio Mais Design by Arne Jacobsen

    De: R$2.518,00

    Special Price R$1.743,40

    Ou 10x de R$174,34 no cartão
    ou
    R$1.621,36
    7% de desconto em 1x
    ou
    R$1.621,36
    7% de desconto no PIX

Saiba mais sobre o Designer Arne Jacobsen 

Procurando por móveis criados pelo designer Arne Jacobsen para dar o visual que faltava ao seu ambiente? O Atelier Clássico tem a peça ideal para você.

Uma história famosa sobre o designer Arne Jacobsen é a de que, quando criança, ele tinha em seu quarto um papel de parede vitoriano sob o qual ele pintou. Esse papel de parede era ornamentado de azul, uma cor típica para meninos, mas em vez de cobrir o seu papel de parede com desenhos infantis Arne Jacobsen decidiu pintar seu quarto inteiramente de branco. Essa decisão pode parecer típica hoje, mas no início do século XX as paredes brancas ainda não estavam na moda. 

Porque estamos contando essa história? Porque ela mostra que, desde muito cedo, Arne Jacobsen estava à frente de seu tempo. Por mais da metade do século XX, as ideias do designer Arne Jacobsen moldaram a paisagem do design dinamarquês, mas elas foram além, elas também influenciaram arquitetos e designers em todo o mundo. 

Considerado como um dos principais influenciadores e pioneiros do design dinamarquês moderno, o arquiteto e designer Arne Jacobsen fez contribuições significativas para o movimento chamado funcionalismo arquitetônico. 

Quando ainda era apenas um estudante, em 1925, designer Arne Jacobsen já estava ganhando prêmios pela criação de uma cadeira na feira Art Déco de Paris. Após a guerra, seus móveis e produtos de design icônicos impulsionaram seu nome de vez no mercado. Seus projetos simples, mas funcionais, no estilo dinamarquês minimalista tornam Arne Jacobsen um dos principais nomes do design moderno.

 Quer saber mais sobre o designer Arne Jacobsen e conhecer o estilo e principais traços de seus móveis? Então continua lendo. O Atelier Clássico preparou um material sobre a história e carreira desse grande designer. 

Um pouco da história do designer Arne Jacobsen 

O designer Arne Jacobsen é provavelmente o arquiteto e designer dinamarquês mais renomado que existe. Arne Jacobsen é mundialmente famoso por projetar várias peças de móveis icônicas, luminárias e edifícios (principalmente na Dinamarca, mas também internacionalmente). Seus trabalhos influenciaram e impulsionaram o processo de introdução do modernismo e do design minimalista na Dinamarca. 

Arne Jacobsen se formou na Academia Real Dinamarquesa de Belas Artes e Arquitetura, em Copenhague, em 1927. Seu primeiro grande avanço como arquiteto aconteceu quando o designer Arne Jacobsen estabeleceu uma parceria com Flemming Lassen e projetou a Casa do Futuro para a Associação de Arquitetos da Construção e Habitação em Copenhague, em 1929. 

A Casa do Futuro, junto com a Praia Bellevue (1933), o complexo habitacional Bella Vista (1934) e o Teatro Bellevue (1935) - os três últimos, localizados em Klampenborg, norte de Copenhague - são edifícios brancos feitos de concreto, aço e vidro, que possuem superfícies lisas e plantas abertas. O trabalho do designer Arne Jacobsen nesses prédios dá os primeiros sinais do que viria a ser a nova noção de moderno. Em 1941, o designer Arne Jacobsen também projetou a prefeitura de Aarhus, a segunda maior cidade da Dinamarca. 

Durante a Segunda Guerra Mundial, o designer Arne Jacobsen, que era descendente de judeus, fugiu da ocupação nazista da Dinamarca, juntamente com milhares de outros judeus dinamarqueses. Ele ficou lá até o fim da guerra. Durante sua estada na Suécia, Jacobsen desenhou uma série de desenhos têxteis e de tapeçaria, apresentando padrões naturalistas. 

Após a Segunda Guerra Mundial, o estilo do designer Arne Jacobsen desenvolveu traços modernistas mais regionais, passando a ser caracterizado por curvas mais livres, alvenaria amarela e telhados inclinados. As casas de fileira de Søholm (1946-51), em Klampenborg, e a Escola Munkegaard (1949-57), em Vangede, norte de Copenhague, são ótimos exemplos desse período. 

Em 1957, Jacobsen concluiu o trabalho na Escola Munkgaard. Praticamente tudo na escola Munkegaard foi projetado pelo arquiteto e designer Arne Jacobsen: interiores, acessórios, mesas e cadeiras, iluminação, cortinas, bem como os jardins especialmente projetados. Essa abordagem holística do design e da arquitetura foi o processo predominante da época e praticado amplamente na indústria, mas Jacobsen ainda levou isso a novos níveis em sua prática. Vários projetos sob medida, como as luzes da sala de aula (Lâmpada Munkegaard), as cadeiras (Munkegaard Chair, também conhecido como Cadeira Mosquito) e seu painel de alto-falantes de acrílico, foram posteriormente fabricados em escala industrial e passaram a se tornar ícones do design. 

Como deu para perceber nesta breve visita à história do designer Arne Jacobsen, ao longo de sua vida, Jacobsen fez contribuições significativas para o funcionalismo arquitetônico, com sua mistura de ideais modernistas e amor nórdico pelo naturalismo. Mais de 30 anos após sua morte, os vestígios ainda estão presentes hoje na arquitetura que admiramos e nos objetos que usamos todos os dias. 

O estilo dos móveis do designer Arne Jacobsen 

Agora que já conhecemos um pouco da história do designer Arne Jacobsen que tal falarmos sobre o estilo dos móveis desse arquiteto e designer? Continua lendo! Vamos falar das principais peça do artista. 

Embora designer Arne Jacobsen se considerasse principalmente um arquiteto, seu trabalho de maior alcance inclui seus desenhos de cadeiras. Tendo se envolvido em design de cadeiras no início da década de 1920, ele entrou para a história como um dos principais nomes do design de móveis modernos. Ele entrou de vez no campo quando passou a pensar em móveis funcionais década de 1950. 

Antes de falar sobre dos modelos mais clássicos do designer Arne Jacobsen, vamos saber um pouco mais sobre o estilo e traços do trabalho dele no projeto de móveis. 

O designer Arne Jacobsen trabalhou com alguns dos melhores produtores dinamarqueses para produzir os designs de seus projetos. A maioria dos móveis projetados por Jacobsen foi produzida por Fritz Hansen e os itens de iluminação foram feitos exclusivamente por Louis Poulsen. 

Suas peças de maior sucesso, são as cadeiras as coleções Ant, Egg e Swan, foram criadas para hotéis e empresas locais durante esta década. Vamos conhecer um pouco mais sobre elas? 

A cadeira formiga do designer Arne Jacobsen 

Inspirado por uma cadeira de madeira compensada (projetada por Charles Eames) que ele próprio havia comprado, o designer Arne Jacobsen acrescentou o funcionalismo dinamarquês e suas (agora famosas) ideias de design minimalistas puras, para fazer a Ant Chair, a cadeira formiga. Essa cadeira abre espaço para todo um gênero produto que a segue. É uma cadeira empilhável, feita de madeira laminada moldada sob pressão com uma estrutura de aço removível. 

A cadeira foi originalmente projetada para a cantina, na empresa farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk, em 1952. No entanto, em Fritz Hansen, eles se preocupavam com o potencial comercial mais amplo. Para convencer Fritz Hansen, o designer Arne Jacobsen se ofereceu para comprar todas as cadeiras produzidas, se não vendessem. Três meses depois, a cadeira foi apresentada em uma exposição no Museu Dinamarquês de Arte Decorativa. Isso abriu o caminho para seu enorme sucesso internacional e, portanto, também a para a criação de outros projetos do artista que se tornaram tão ou mesmo mais famosos que a cadeira formiga. 

A série 3300 do designer Arne Jacobsen 

No final da década de 1950, Arne Jacobsen projetou a série 3300 para o terminal SAS do Hotel Royal em Copenhague. As peças criadas pelo designer Arne Jacobsen se harmonizam com seu trabalho arquitetônico durante esse período, utilizando linhas retas e proporções perfeitas. A forma fria e simplificada do sofá contrasta com a dos contornos orgânicos e curvilíneos das Egg Chair (Cadeira Ovo) e Swan Chair (Cadeira Cisne) que também foram usadas no mesmo hotel. 

A série 3300 geralmente vem em estofos em couro e tecido com uma base cromada. As variações incluem um, dois e três assentos - todas as versões disponíveis no catálogo do Atelier Clássico - esse móvel criado pelo designer Arne Jacobsen é perfeito para salões e áreas de espera, bem como em residências particulares. 

A Egg Chair do designer Arne Jacobsen 

A Egg Chair foi o epítome do design dinamarquês moderno. O que fez com que esse projeto do designer Arne Jacobsen fosse celebrado em todo o mundo por sua estrutura e toque únicos. Construída para imitar a forma de um ovo, por isso o nome, esta cadeira focou-se no apelo estético, e não na utilidade. 

A Drop Chair do designer Arne Jacobsen 

A Drop Chair foi criada ao lado da Egg Chair do Royal Hotel, mas, diferentemente de sua contraparte, a Drop Chair não recebeu reconhecimento internacional até anos depois. Concebida para seguir as curvas naturais do corpo humano, a Cadeira em formato de gota se destacou por seu design simples, mas inovador, que possui um elemento natural incomum para as peças desse movimento. 

Móveis do designer Arne Jacobsen no Atelier Clássico 

Procurando por móveis criados pelo designer Arne Jacobsen para dar o visual que faltava ao seu ambiente? No Atelier clássico você encontra todas as versões do sofá da famosa série 3300 (com um, dois e três lugares em diferentes opções de cores e material de estofaria). Confira nossa seleção e aproveite.

 

 

Índice
Baixe o APP grátis!
Não vai ocupar espaço no seu telefone.